TcH_Agenda_i06.jpg

MEMÓRIA SOCIAL, COMUNIDADES E PROTAGONISTAS


01

“O MEU PAÍS É O QUE O MAR NÃO QUER”

2000 POSTAIS ILUSTRADOS DA COSTA PORTUGUESA

EXPOSIÇÃO


ÍLHAVO 

17 NOV 201824 MAR 2019 MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO


A exposição “O meu país é o que o mar não quer” exibe cerca de 2000 postais ilustrados da costa Portuguesa editados ao longo do Século XX. Envolvido num panorama de imagens difundidas ao longo do Século XX, o visitante encontra um dispositivo óptico que revela uma totalidade espacial e temporal, construída para a possibilidade de múltiplas leituras. Embora os postais ilustrados sejam o espelho de uma determinada circunstância, o seu conjunto permite perceber o processo de transformação da paisagem pelos agentes naturais de erosão como a água e o vento, a importância da pesca na afirmação identitária nacional e a pressão da ocupação urbanística que acelerou o processo de erosão.

concepção Paulo Palma


02

Sentidos de Mar

Visitas orientadas ao património marítimo e religioso

VISITAS ORIENTADAS


ÍLHAVO

28 OUT 2018 MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO PRAIAS DA BARRA E COSTA NOVA

14 – 18 NOV 2018 MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO FESTIVAL GASTRONOMIA DE BORDO

25 NOV 2018 MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO,

CENTRO HISTÓRICO DE ÍLHAVO

16 DEZ 2018 MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO, PORTO BACALHOEIRO DA GAFANHA DA NAZARÉ


MURTOSA

29 SET 2018 MUSEU CUSTÓDIO PRATO, FONTE DE S. GONÇALO, CAIS DA RIBEIRA DO GAGO, CAIS DO BICO


PENICHE

8+15+22+29 JUN 2018

6+13+20+27 JUL 2018

ROTEIROS VÁRIOS


Os Sentidos do Mar são a proposta destas visitas ao que de mais identitário têm as comunidades piscatórias dos municípios de Ílhavo, Peniche e Murtosa, no Centro de Portugal… E desde logo possibilitarão a passagem pelos fervilhantes mercados de peixe, lotas, cais, capelas e igrejas destas gentes do mar, e até às suas festividades mais sentidas, tão iguais e tão diferentes entre si, mas também por locais tão emblemáticos como a reserva natural das ilhas Berlengas, património da UNESCO, por um singular aquário de bacalhaus, por um antigo arrastão da pesca do bacalhau, agora museu, pelo mais alto farol português, ou até embarcar num tradicional e gracioso barco moliceiro à vela!

Perca-se nestas “viagens”, acompanhado pela História comum e pelas estórias singulares de cada uma destas comunidades e de cada um destes municípios, encontrando-se nas nossas raízes históricas partilhadas!


03

PATRIMÓNIOS SONOROS MARÍTIMOS

PERFORMANCE


ÍLHAVO 

ABR 2018 (INÍCIO DAS GRAVAÇÕES)


MURTOSA

AGO 2018 (INÍCIO DAS GRAVAÇÕES)


PENICHE

AGO 2018 (INÍCIO DAS GRAVAÇÕES)


O “Patrimónios Sonoros Marítimos” é um projecto original que consiste no levantamento e divulgação do Património Sonoro associado às comunidades marítimas. O realizador Tiago Pereira e a Associação Música Portuguesa a Gostar Dela Própria foi desafiado a explorar uma dimensão inédita do extraordinário património relacionado com as actividades marítimas. O projeto é construído com a comunidade, ouvindo relatos e memórias do trabalho a bordo e em terra. O trabalho de recolha e difusão centra-‑se na procura de aspetos e elementos sonoros relacionados com as atividades marítimas: canções, cançonetas, memórias musicadas, orações, sons do barco, ritmos do trabalho, testemunhos com ruído e melodia.

Associação Música Portuguesa a Gostar Dela Própria

realização Tiago Pereira


04

MAR FILM FESTIVAL

CINEMA

ÍLHAVO 

19 – 21 ABR 2018 MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO

PENICHE 

NOV 2018 (EXTENSÃO)

Festival de cinema de temática marítima, composto por várias secções, entre elas a exibição comentada de filmes sobre este tema, o concurso “Novas Vistas Lumière” e o concurso/projeto educativo com a comunidade escolar “Memórias de Ria Mar”. Esta ação pretende não só perceber de que forma o Mar é retratado no cinema, quer em ficção, animação ou documentários, assim como envolver toda a comunidade, tanto escolar como não escolar.


05

ESCRITA CRIATIVA MARÍTIMA

OFICINA

ÍLHAVO

19 MAI 2018 MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO

MURTOSA

23 ABR 2018 COMUR – MUSEU MUNICIPAL


Oficina de escrita criativa, tendo como tema de fundo o que de comum têm os três municípios: o Mar. Pedro Chagas Freitas é o escritor que dinamiza esta oficina, adaptada não só ao público adulto, mas também ao público mais jovem, em contexto escolar.


06

FESTA DOS PESCADORES

COMUNIDADE


ÍLHAVO 

22 SET 2018 MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO


PENICHE 

31 MAI – 3 JUN 2018 RIBEIRA VELHA

As pescas, longínqua, costeira ou lagunar, são na sua essência uma saga humana. O mar é por natureza um ambiente hostil, em que o pescador faz dele o seu meio de vida, o seu ganha-pão. Celebrar o Dia do Pescador ou a Festa dos Bacalhoeiros é o reconhecimento do papel determinante do pescador nas actividades marítimas e na caracterização das comunidades costeiras. Um encontro entre gerações de marítimos, onde vivências são relatadas e memórias são partilhadas. Uma justa homenagem
a todos os que vivem o mar.